Você já deve ter ouvido falar muito sobre a importância de ter visibilidade online.

Deve concordar com a premissa de que ter visibilidade online é essencial para o seu negócio, uma vez que a sua marca precisa estar presente onde está presente o seu público, seu target, sua persona.

Mais que ter visibilidade online, é preciso, no entanto, que ela seja transformada em negócios, ou que, ao menos, ela auxilie na obtenção dos resultados estratégicos buscados pelo seu negócio.

O Inbound Marketing

Você deve, também, ter ouvido falar muito de Inbound Marketing. Essa disciplina é parte do manancial tático aplicado à promoção de sua marca, sua empresa e seus produtos. Consiste em duas frentes:

  1. Fazer, através das técnicas de SEO, com que as pessoas encontrem a sua empresa online.
  2. Nutri-las com conteúdo que crie nelas uma afinidade com sua marca, que lhe permita retê-las numa espécie de relacionamento e criar oportunidades de negócios.

A promessa do Inbound Marketing é abrir caminho para que seu negócio possa tirar o máximo proveito de sua presença online para auxiliá-lo a obter os melhores resultados, qual seja: vendas e lucro.

O que provavelmente não lhe contaram é que o Inbound Marketing não é a receita mágica para chegar a esses resultados.

Se você ouviu que o Inbound Marketing é uma ferramenta poderosa para você comunicar e promover sua empresa, não ouviu nada mais que a verdade. O Inbound é responsável pelo maior número de acessos aos sites na atualidade.

Visibilidade não é tudo

“Acessos” significam “visibilidade online”? Sim, mas visibilidade não vende, cria oportunidades.

Imagine que uma empresa gaste uma fortuna com publicidade televisiva, atingindo milhões de pessoas.

Se ela é uma empresa que atua na área de consumo de massa está fazendo a coisa certa, mas o que acontece, por exemplo, se os produtos dessa mesma empresa não estão visíveis nos pontos de venda, se falta produto nas prateleiras das lojas, se ela comunica uma ação promocional e quando chega no ponto de venda os atendentes não foram avisados, se ela atende mal as reclamações, etc.?

Se trouxermos tudo isso para o universo do Marketing Digital, teremos o mesmo quadro. Visibilidade não é tudo. Você pode atrair mil usuários para a sua página e não converter nenhum em cliente, assim como pode atrair cem usuários e converter três.

O que é melhor?

Melhor seria se você atraísse mil usuários e conseguisse converter trinta vendas. Percebe que são coisas que estão alinhadas? Ótimo, mas o que fazer para converter esses usuários em clientes?

Visibilidade Online e Marketing

É preciso fazer Marketing

É onde entra na história a palavrinha mágica: o “Marketing”. Não se iluda achando que ao fazer Inbound Marketing você estará fazendo Marketing. Mesmo para fazer um bom Inbound Marketing, não basta atrair o consumidor para a sua página.

Quantas pessoas veem um título no mecanismo de busca e entram na página curiosos, deixando-as em seguida para nunca mais voltar, porque o conteúdo encontrado em nada serviu para lhe cativar? Você mesmo já deve ter passado por essa situação.

Para falar a verdade, o próprio algoritmo do Google leva em conta a interação do usuário com a página para classificá-la. No dia 1 de agosto, houve nova mudança do algoritmo, melhorando e piorando a classificação de diversas páginas. Entre os critérios que levaram a essa reviravolta estão a credibilidade da fonte e a abrangência dos conteúdos entregues por esses sites.

Pois mesmo os sites que se enquadram nessas exigências e serão beneficiados por essas mudanças não estão garantidos no que diz respeito à obtenção dos resultados estratégicos buscados. Por que? Porque precisam ter uma política de conversão de consumidores em clientes.

Não basta ter visibilidade online, é preciso transformá-la em resultados e isso só é possível se você desenvolver certos requisitos de Marketing (Nós da Marketing X Digital podemos ajudar nisso):

  • Respeito à identidade visual da marca;
  • Utilização da experiência do usuário para obter informações sobre ele e melhorar suas políticas para enquadrá-las dentro da expectativa do seu público;
  • Oferecer conteúdos que sejam relevantes e altamente qualificados sobre os temas abordados;
  • Refletir em cada ação o posicionamento da empresa;
  • Analisar, para entender, o comportamento das pessoas em seu site;
  • Utilizar as Redes Sociais de forma assertiva, integradas às estratégias do seu negócio;
  • Buscar oferecer serviços relevantes em seu site;

Para que tudo isso funcione, é preciso seguir os princípios do Marketing, como planejamento, posicionamento, identidade visual, plano de comunicação, atendimento, monitoramento da concorrência e controle dos resultados.

A visibilidade online não é uma finalidade, em si, mas um meio para o seu negócio alcançar os resultados desejados. Você não precisa estar em todas as Redes Sociais, mas nas Redes Sociais certas, falando para as pessoas certas, tendo qualidade e rotina bem definida, alinhada com os objetivos a serem alcançados.